Anestesia - Grupo Surgical
Campanha de prevenção no Carnaval atinge milhares de pessoas – TRAUMA boleTEAM (SBAIT)
19 de maio de 2017
GUIA SBAIT QUEIMADURAS
12 de julho de 2017

Anestesia

O que é anestesia?

A anestesia é a total ausência de dor durante um procedimento cirúrgico onde enquadram-se exames diagnósticos, cirurgias e curativos.

A anestesia permanece um assunto obscuro para muitos pacientes, mas a verdade é que milhões de anestesias são realizadas todos os dias no mundo com segurança. Por isso devem ser sempre realizadas por um profissional certificado.

 

Tipos de anestesia

A anestesia pode ser geral ou regional. A anestesia geral e amplamente utilizada em cirurgias e promove a total imobilidade, perda de consciência e ausência completa de dor. A anestesia regional envolve o bloqueio e a imobilidade de uma parte do corpo como pernas e braços.

O tipo de anestesia será indicado pelo medico anestesista de acordo com o procedimento a ser realizado.

 

Anestesia Segura

Para o sucesso do procedimento o paciente deve seguir corretamente as orientações de seu cirurgião como respeitar o tempo jejum e para as cirurgias eletivas, as visitas pré-anestésicas. O tempo de jejum e importante para evitar complicações como a regurgitação passiva do conteúdo gástrico podendo levar a pneumonia ou em casos extremos até a morte.

O cirurgião solicita como rotina nos procedimentos eletivos alguns exames antes do procedimento como exames de sangue e outros que se apliquem a cada caso especificamente. Na consulta pré-anestésica o anestesista avaliará os exames e fará ainda um exame físico afim de determinar o grau de risco para a anestesia do paciente, podendo desta maneira estar preparado para eventuais complicações, como sugerir se será necessária internação em unidade de terapia intensiva após o procedimento ou avaliar a necessidade de outros exames ou dispositivos para maior segurança anestésica.

É de extrema importante que o paciente informe se possui alguma doença prévia como hipertensão, problemas do coração, infarto prévio, diabetes, problemas de tireoide, asma, história de convulsões entre outros.

Deve–se informar os medicamentos usados bem como o uso de drogas ilícitas, cigarros, bebida alcoólica e medicamentos controlados. Lembre-se, o anestesista é um profissional médico que não julga os hábitos dos pacientes, portanto deve estar ciente do uso destas substâncias para que possa garantir assim uma anestesia sem intercorrências.

 

Quanto tempo dura a anestesia?

O tempo de duração da anestesia varia de acordo com o tempo do procedimento a ser executado. A anestesia terá a duração do tempo do procedimento e em alguns casos como nas anestesias regionais pode durar um pouco mais para conferir um maior conforto ao paciente.

 

Quem deve aplicar a anestesia?

O anestesista é um médico com treinamento na especialidade e certificado pela Sociedade Brasileira de Anestesiologia. A anestesia só deve ser aplicada por um medico anestesista certificado.

O médico anestesista é o responsável tanto pela escolha do tipo de anestesia como pela manutenção da mesma, por isso o anestesista permanece com o paciente durante todo o procedimento cirúrgico até a alta da recuperação anestésica.

 

Complicações na anestesia

A anestesia não é um procedimento isento de complicações assim como qualquer outro. E claro que respeitando-se as regras de segurança esses riscos diminuem em muito porém ainda assim existem.

A anestesia geral pode apresentar riscos como alergias e anafilaxia, complicações respiratórias dentre outras. As regionais podem ter complicações como fortes dores de cabeça e lesões de nervos que podem variar entre temporárias à permanentes.

Converse com seu médico anestesista antes do seu procedimento, ele poderá esclarecer dúvidas e assim diminuir a ansiedade que acompanha a eminência da realização de uma cirurgia.

Ao Grupo Surgical,
Dra. Clarissa S Correia
Médica Anestesiologista – UNICAMP
Anestesista sênior – SOBRAPAR
Anestesista Consultora – SMILE TRAIN PROGRAM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo protegido